sábado, 29 de setembro de 2012

A "Praça de Todos” já está lançada no Eldorado

Foto: Juarez Fernandes

Por Elenice Costa
29 de setembro de 2012

Moradores do parque Eldorado e adjacências participaram neste sábado (29), do lançamento da pedra fundamental que dará início às obras da Praça dos Esportes e da Cultura (PEC). A praça, denominada “Praça de Todos”, terá cerca de sete mil metros quadrados de área e será dotada de quadras poliesportiva coberta e de areia, pistas de caminhada e de skate, playground, biblioteca, Centro de Referência e Assistência Social (Cras), entre outros.

A previsão é de que as obras sejam iniciadas nos próximos dias. A PEC é um programa do governo federal, envolvendo os ministérios do Planejamento, Desenvolvimento Social, Trabalho e Emprego, Esporte e Cultura, em parceria com a prefeitura que, por sua vez, envolve as secretarias da Família e Assistência Social, Cultura, Esportes, Obras e Urbanismo, Educação, Segurança e Ordem Pública, além do Centro de Informação e Dados de Campos (Cidac).

Durante o evento, moradores participaram de apresentações culturais diversas, entre elas, da Banda de Fanfarra, da secretaria de Educação; ônibus da cultura e ciência, também pela secretaria de Educação; animação cultural; e apresentação cultural do Programa Projovem, da secretaria da Família e Assistência Social, além de apresentação de capoeira pela coordenação de Igualdade Racial da secretaria da Família e Assistência Social.

O morador José Luiz Gama, de 50 anos, afirma que essa iniciativa vai contribuir bastante para o desenvolvimento do bairro, além dos demais próximos a ele. “E, também, será importante para educação e formação de nossas crianças. Uma construção como essa é o sonho de anos dos moradores”, finalizou José Luiz.

A dona de casa, Shirly Ribeiro Santos, de 32 anos, mãe do pequeno José Ricardo, 4 anos, afirma que com a construção dessa praça o bairro vai tomar uma nova vida. “Estamos muito satisfeitos com essa iniciativa do governo. E as atividades desenvolvidas beneficiarão bastante a nova geração de adolescentes”, concluiu a dona de casa.

De acordo com a secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire, a construção da praça envolve a ação de várias secretarias e, por isso, se tornará referência, uma espécie de centro de convivência, onde a comunidade terá varias opções de atividades. “O nome já diz, Praça de Todos. Vamos reunir aqui moradores do Eldorado, Codin, Santa Rosa, Bandeirantes e outros, numa convivência prazerosa e harmônica. E o mais importante, com pessoas de todas as idades, desde crianças, até a terceira idade”, acrescenta a secretária.

Idosos casam em solenidade comunitária

Fotos Rodolfo Lins
Por Elenice Costa
29 de setembro de 2012

Doze casais realizaram a troca de alianças em cerimônia solene no II Casamento Comunitário realizado ontem, sexta-feira (28), no Clube da Terceira Idade, órgão vinculado à Secretaria da Família e Assistência Social. A cerimônia foi celebrada pelo pastor Aroldo Felix, da II Igreja Batista de Campos e teve a participação do coral Doce Canto. Após a cerimônia, os casais, familiares, padrinhos e filhos participaram de festa de confraternização no Automóvel Clube Fluminense.

A iniciativa é do Departamento do Idoso e o objetivo é dar oportunidade às pessoas que pretendem formalizar uma união estável e não dispõem de condições financeiras para tal. É, ainda, a chance de concretizar um sonho, sem qualquer ônus, de forma que sejam legalmente reconhecidos, possibilitando o acesso das famílias aos direitos e benefícios previstos em lei.

O casal Janilton Ferreira da Silva, de 53 anos, e Darla Batista de Oliveira, 59, moradores do bairro Joquey Clube, namoraram por dois anos e ficaram durante 25 anos separados. “Há 12 anos resolvemos recomeçar a relação, a partir das atividades no Clube da Terceira Idade. Percebemos que estava na hora de oficializar nossa união”, completa a noiva.

Darla Batista, afirma que o dia do casamento é o dia mais importante da vida de uma mulher. “Vamos viver juntos daqui pra frente, unidos com muita harmonia, até que Deus nos separe”, finalizou.

Outro casal que estava radiante com a cerimônia solene foi o casal João Batista, de 62 anos, e Juana Darke Aguiar Leite, de 48. Juntos há sete anos, aproveitaram a oportunidade para oficializar a união.

Segundo a coordenadora do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - Idoso, Silvia Peixoto, muitos casais não possuem condições de providenciar todos os trâmites para realizar o casamento e, dessa forma, a secretaria da Família e Assistência Social entendeu a necessidade e sonho de cada um.

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Família e Assistência em parceria com a Saúde nos conjuntos habitacionais


Por Elenice Costa
28 de setembro de 2012
Síndicos e agentes sociais do Programa Morar Feliz, da Secretaria da Família e Assistência Social, através do Departamento de Nutrição da Secretaria de Saúde, iniciaram no conjunto habitacional Portelinha, na comunidade da Tira Gosto, um trabalho de localização e identificação dos moradores que recebem o benefício do Programa Bolsa Família, para a regularização de dados. A maioria está prestes a ter seus cartões bloqueados, pelo não cumprimento das condicionalidades do benefício, como falta de vacinação e freqüência escolar de seus filhos.
O trabalho, inicialmente desenvolvido pelas representantes Família e Assistência, Jaqueline da Silva, Luciane Pereira e Jussara Ferreira, será estendido a todos os conjuntos do município. Cerca de 30 famílias foram atendidas e, aproximadamente, 50 crianças receberam dos profissionais da Saúde, doses de vacinas diferenciadas, além de medição e orientação para que mantenham o benefício e não tenham o cartão bloqueado.
A subsecretária, Giselda Leão, diz que síndicos e agentes atuam em diferentes frentes nos conjuntos habitacionais do município, visando o bem estar e a qualidade de vida dos beneficiados pelo programa Morar Feliz. “O trabalho preventivo e educativo, em vários aspectos, são desenvolvidos em todos os conjuntos habitacionais”, finaliza a subsecretária.

Secretaria capacita servidores para atendimento via SUAS

Foto: Smfas
Por Elenice Costa
28 de setembro de 2012

Foi realizado nesta sexta-feira (28), na Universidade Federal Fluminense (UFF), o II Módulo da Capacitação dos Trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (Suas), na modalidade de atualização e nivelamento. A capacitação foi dirigida aos servidores que atuam na Secretaria Municipal da Família e Assistência Social.

A capacitação acontecerá todas às sextas-feiras, a cada 15 dias, voltada aos profissionais técnicos de níveis superiores e médios. E, ainda, contará com a participação de professores da Universidade Federal Fluminense (UFF) de Campos e Niterói, além de profissionais da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e convidados, dentro da política do Sistema Único de Assistência Social (Suas) no município.

Durante o encontro, profissionais de nível superior discutiram a política de assistência social e apresentaram resultados da pesquisa realiza com os beneficiários do Programa Bolsa Família do município. A partir da pesquisa ficou constatado que 50% dos beneficiários não possuem companheiros e são famílias monoparentais, em sua maioria formada por mãe e filho.

De acordo com a coordenadora do Projeto de Capacitação dos Trabalhadores das Suas, Érica Almeida, esta tem a função de propiciar um espaço de referência, através de debates sobre as necessidades sociais dos usuários da assistência social. E, também, passar informações de como esses serviços têm sido prestados no município. “É um trabalho de grande importância, principalmente, com os servidores da Secretaria da Família e Assistência Social, que atuam com o trabalho de assistência. E a UFF está feliz de poder participar desta grande iniciativa e contribuir com a reflexão sobre o desafio da assistência social no Brasil e no município”, finalizou Érica Almeida.

Já em nível de segundo grau, os participantes discutiram assuntos sobre acolhimento de usuárias na rede Suas, as melhores formas de atendimento, encaminhamentos e articulações dos diversos serviços chamados de trabalho em rede. A terapeuta ocupacional, Tânia Terra, explica que todo o profissional tem que obter conhecimento básico sobre a legislação territorial e sobre os conceitos primordiais do sistema de atendimento ao usuário.

Lançamento da pedra fundamental para início das obras da PEC

Foto: Smfas
Por Frânio Abreu
28 de setembro de 2012

Coordenadores de programas, programadores visuais, técnicos, entre outros, estiveram nesta quinta-feira (27), no parque Eldorado, onde vai ser construída a Praça dos Esportes e da Cultura (PEC), denominada “Praça de Todos”, escolhendo o local para fixar as placas indicativas sobre o empreendimento e as obras. O lançamento da pedra fundamental, marcando o início das obras, acontecerá neste sábado (29), às 8h.

A PEC é um programa do governo federal, envolvendo os ministérios do Planejamento, Desenvolvimento Social, Trabalho e Emprego, Esporte e Cultura, em parceria com a prefeitura que, por sua vez, envolve as secretarias da Família e Assistência Social, Cultura, Esportes, Obras e Urbanismo, Educação, Segurança e Ordem Pública, além do Centro de Informação e Dados de Campos (Cidac).

A PEC tem cerca de sete mil metros quadrados de área e será dotada de quadra poliesportiva coberta, quadra de areia, pista de caminhada e de skate, playground, biblioteca, Centro de Referência e Assistência Social (Cras), entre outros. Neste sábado haverá apresentação de Banda de fanfarra, pela secretaria de Educação; ônibus da cultura e ciência, também pela secretaria de Educação; animação cultural e apresentação cultural do Programa Projovem da secretaria da Família e Assistência Social; apresentação de grupo de talentos da 3º idade; aula de ritmo com professor de educação física para 3ª idade; apresentação de capoeira pela coordenação de Igualdade Racial da secretaria da Família e Assistência Social; apresentação de show de talentos da 3ª idade.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Idosos se unem em casamento comunitário nesta sexta-feira

Foto: Secom
Por Elenice Costa
27 de setembro de 2012

Nesta sexta-feira (28) acontecerá o Casamento Comunitário da Terceira Idade, a partir das 18h, no Clube da Terceira Idade, localizado no Parque Tamandaré. São 14 casais, com idades entre 60 e 80 anos, que estarão dizendo o tradicional "sim" diante do juiz, na cerimônia solene. Alguns casais moram juntos e irão, neste dia, legalizar a união. Já outros se conheceram nos bailes do Clube, realizados quinzenalmente.

A iniciativa é do Departamento do Idoso, órgão ligado à Secretaria da Família e Assistência Social. O objetivo é dar oportunidade às pessoas que pretendem formalizar uma união estável e não dispõem de condições financeiras para tal. É, ainda, a chance de concretizar um sonho, sem qualquer ônus, de forma que sejam legalmente reconhecidos, possibilitando o acesso das famílias aos direitos e benefícios previstos em lei.

Lançamento da pedra fundamental da Praça de Esportes e Cultura

Foto: Antônio Leudo
Por Frânio Abreu
27 de setembro de 2012

Neste sábado (29), a partir das 8h, a Praça dos Esportes e da Cultura (PEC), denominada “Praça de Todos”, no parque Eldorado, vai sair do papel e começar a tomar forma. Será lançada a pedra fundamental da praça, marcando o início das obras no local, com prazo de entrega em nove meses. A PEC é um programa do governo federal, envolvendo os ministérios do Planejamento, Desenvolvimento Social, Trabalho e Emprego, Esporte e Cultura, em parceria com a prefeitura de Campos que, por sua vez, envolve as secretarias da Família e Assistência Social, Cultura, Esportes, Obras e Urbanismo, Educação, Segurança e Ordem Pública, além do Centro de Informação e Dados de Campos (Cidac).

Várias reuniões entre o poder público municipal e a comunidade do Eldorado e bairros em torno já foram realizadas e outras ainda acontecerão, para discutir a implantação da praça. Além disso, foram realizadas oficinas com dinâmica de grupos, para que os representantes das comunidades pudessem sinalizar qual a praça que eles sonham em ter no bairro e, ainda, conhecer o projeto. A praça terá um grupo gestor, que vai gerir o espaço junto com o poder público, formando um conselho. 

- É uma união de forças para a construção de um bem que será da comunidade e, por isso, ela tem que ter participação ativa no processo de implantação. Não adianta desenvolver um projeto, se ele não atende a comunidade - diz a coordenadora de Programas e Projetos da secretaria da Família e Assistência Social, Irecy Damasceno.

A secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire, explica que a PEC não é uma praça comum, mas um centro de convivência, lazer e integração de vários bairros, como Eldorado, Jardim Eldorado, São Silvestre, Codin, Santa Rosa, entre outros. “É uma outra filosofia. É ali que as comunidades poderão se encontrar para desenvolver atividades diversas, reunindo desde crianças e adolescentes, até adultos e pessoas da terceira idade”, finaliza a secretária.

Dimensão - A PEC tem cerca de sete mil metros quadrados de área e será dotada de quadra poliesportiva coberta, quadra de areia, pista de caminhada e de skate, playground, biblioteca, Centro de Referência e Assistência Social (Cras), entre outros. Neste sábado haverá apresentação de Banda de fanfarra, pela secretaria de Educação; ônibus da cultura e ciência, também pela secretaria de Educação; animação cultural e apresentação cultural do Programa Projovem da secretaria da Família e Assistência Social; apresentação de grupo de talentos da 3º idade; aula de ritmo com professor de educação física para 3ª idade; apresentação de capoeira pela coordenação de Igualdade Racial da secretaria da Família e Assistência Social; apresentação de show de talentos da 3ª idade.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012


Tarde dançante no Cras do Jardim Carioca

Foto: David Jones
Por Elenice Costa
26 de setembro de 2012

Cerca de 50 idosos atendidos pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Jardim Carioca, órgão vinculado à Secretaria da Família e Assistência Social, participaram nesta quarta-feira (26), de uma tarde dançante com o tema “Recordar e Viver”, com músicas que fizeram sucesso nos anos 60. O evento fez parte da programação do mês do idoso. O tema musical foi escolhido pelos idosos que fazem parte do Grupo Prosperar. Os idosos participam uma vez por semana de atividades, palestras interativas, dinâmicas de grupo, entre outras.

O objetivo é promover a integração dos grupos de convivência e a inclusão da pessoa idosa, promovendo qualidade de vida, auto estima e fortalecimento de vínculos entre os idosos atendidos.

De acordo com coordenadora do Cras, Elaine Jardim, esse evento é muito esperado pelos idosos e o Cras se une aos idosos com objetivo de proporcionar vários atendimentos e, ainda, momentos de descontração e alegria para a melhoria na qualidade.
- Participar de baile com as músicas voltadas aos anos 60 nos traz boas recordações. É importante reviver o passado nesta faixa de idade - a afirmativa e da aposentada Salvadora Souza Ribeiro, de 74 anos, moradora do Parque Santa Helena.

Mais uma reunião para definir obras

Foto: Smfas
Por Elenice Costa
26 de setembro de 2012

A secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire, participou nesta quarta-feira (26) com a equipe da Projetos de Consultoria de Engenharia Ltda (PCE), além de representantes da Empresa Municipal de Habitação, Urbanização e Saneamento (Emhab), Secretaria de Obras e Urbanismo e Defesa Civil, de reunião para definir as próximas construções de casas do Programa Morar Feliz. Durante a reunião o Departamento de Política Habitacional do programa apresentou um prévio levantamento do quantitativo dos moradores que reside na comunidade da Margem da Linha.

O objetivo foi discutir, planejar e definir a segunda fase de construção das novas casas do Programa Habitacional Morar Feliz, ainda sem data marcada para início das obras. Serão construídas 4.600 unidades em novos conjuntos habitacionais, espalhados por diversos bairros e localidades, nas áreas rural e urbana do município. A próxima reunião para novas definições esta marcada para o próximo mês.

TRE - RJ é daltônico e troca as cores para prejudicar Rosinha

Foto: reprodução O Globo
Do Blog do Garotinho
25 de setembro de 2012

Não tendo mais o que inventar, o TRE - RJ agora resolveu trocar as cores para prejudicar Rosinha. Pasmem, mas embora a foto do jornal O Globo deixe visível que os postes foram pintados de roxo, e todos na cidade sabem disso, para o TRE - RJ essa cor não é roxo, é rosa. Por isso determinou que em 24h todos os postes sejam pintados de branco. Os advogados de Rosinha apresentaram inúmeras fotos, mas não teve jeito. O que todos vêem como roxo, só para o TRE - RJ é rosa. Pelo jeito a Justiça Eleitoral do Rio além de só ver o que quer, às vezes vê até demais, até o que não existe. Deve ser problema de daltonismo.

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Carteiras de curso podem ser retiradas na Família e Assistência Social

Foto: Smfas
Por Elenice Costa
25 de setembro de 2012

A secretaria da Família e Assistência Social convoca os alunos que fizeram Curso de Salvatagem, desenvolvido pelo Programa Projovem Trabalhador, através de parceria com o Governo Federal, em 2011, para retirar suas carteiras no Departamento de Monitoramento Avaliação e Gestão de Dados na própria secretaria. O atendimento será de segunda à sexta-feira, das 8 às 17h, até o dia 19 de outubro.
De acordo com o diretor do Departamento de Monitoramento, Avaliação e Gestão de Dados, Felipe Rocha, o Projovem Trabalhador obedece critérios de prioridade para pessoas em situação de vulnerabilidade social. “É importante que essas pessoas peguem suas carteirinhas, pois o Curso de Salvatagem tem validade”, acrescenta o diretor.

Noite dançante para a terceira idade

Foto: Rodolfo Lins
Por Frânio Abreu
25 de setembro de 2012

Dentro da programação do Mês do Idoso, iniciada no início de setembro, a Secretaria Municipal da Família e Assistência Social realiza nesta quinta-feira (27), às 19h, no Shopping Boulevard, uma noite dançante. Neste mesmo dia, às 8h30, acontece palestra sobre prevenção de quedas em idoso, seguida de exercícios, no núcleo da Terceira Idade de Conselheiro Josino. A programação se estende até segunda-feira (1º) de outubro, quando haverá palestras, diversas.

Reunião com representantes de Ong

Foto: Smfas
25 de setembro de 2012

Me reuní nesta terça-feira (25), com o articulador social do Centro Juvenil São Pedro, Renato Gonçalves, e outros representantes desta ONG, para discutir o trabalho realizado anteriormente pelo Departamento de Políticas Habitacionais da secretaria Municipal da Família e Assistência. No último mês, o departamento iniciou trabalho de fechamento de área, ou seja, levantamento de dados da comunidade da margem da linha para planejamento e futura contemplação para a comunidade.

Agenda de pactuação e deliberação do novo texto da NOB/SUAS

25 de setembro de 2012

O novo texto da Norma Operacional do Sistema Único da Assistência Social (Suas) encontra-se em fase final de pactuação, conforme calendário definido pelos gestores da Comissão Intergestores Tripartite (CIT). As datas definidas na reunião da CIT, realizada no início deste mês, confirmam que em outubro o Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) já estará com o documento pactuado pela CIT para análise. A expectativa da CIT é que a proposta entregue ao CNAS para debate em outubro tenha sua análise em dezembro, de forma a viabilizar a aprovação em 2013.

O CNAS deliberou que o debate sobre o novo texto da NOB/SUAS terá uma metodologia específica, visando maior aprofundamento no documento e acontecerá por meio das comissões temáticas. A reunião ordinária de outubro, nos dias 16, 17 e 18, terá o documento como prioridade de discussão. Os tópicos a serem discutidos pelas comissões temáticas serão Gestão do SUAS: responsabilidade dos entes e acompanhamento da Gestão e dos Serviços Socioassistenciais pelos estados, DF e municípios, CIBs e CIT; Planos de Assistência Social; Pacto de Aprimoramento da Gestão e dos Serviços Socioassistenciais do SUAS; Gestão Financeira e Orçamentária do SUAS; Controle Social do SUAS; Vigilância socioassistencial e gestão de trabalho no SUAS.
Em conformidade com este planejamento, qualquer debate sobre o novo texto da NOB/SUAS deverá supor que o processo está em curso e que alterações podem estar sendo realizadas pelos gestores municipais, estaduais e federal nos prazos indicados. O CNAS vai continuar a socializar informações sobre o processo de debate da NOB/SUAS.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Palestra dentro da programação do Mês do Idoso

Foto: Rodolfo Lins
Por Elenice Costa
24 de setembro de 2012

Dentro da programação do Mês do Idoso, promovido pela Secretaria da Família e Assistência Social, membros do Lions Clube Francisco Roberto de Carvalho Moreira, realizou nesta segunda-feira (24), duas palestras no auditório da Santa Casa, com o tema, “A importância da Santa Casa para a população idosa de Campos”. Além desta, houve outra palestra, “Saúde na Terceira Idade”,  tendo como palestrante o médico geriatra Emanuel Afonso Oliveira. Segundo o palestrante do Lions Clube, Roberto de Carvalho Moreira, evento como esses, relacionado à pessoa idosa, é muito importante e demonstra que o município está desempenhando seu papel de realizar encontros para a terceira idade.

Começou a “Semana de Luta das Pessoas com Deficiência”

Foto: David Jones
Por Elenice Costa
24 de setembro de 2012

Com objetivo principal de comemorar a Semana Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência e assegurar a elas seus direitos através da implementação de políticas públicas que desenvolvam potencialidades e melhorem a qualidade de vida, o Serviço de Proteção Social para Pessoas Portadoras de Deficiência, o “Campos para Todos”, órgão ligado à Secretaria da Família e Assistência Social, iniciou nesta segunda-feira (24), no Centro de Referência e Assistencial Social (Cras) de Guarus, palestra com o tema “A Inclusão Social do Deficiente Visual”.

A palestrante foi a mestre em cognição e linguagem, especialista em deficiência visual, pós-graduação em Educação Inclusiva e pós- graduação em Psicopedagogia, Hildeny Rapozo da Silva Lima. Segundo Hildeny Rapozo, a idéia central é motivar as pessoas portadoras de quaisquer tipos de deficiência e integrá-las aos meios de convívio para que tenham os seus direitos respeitados, seja dentro da família, bairro, escola ou amigos. "Só assim eles podem conquistar um espaço e a exercer sua dignidade", afirmou a palestrante.

Durante a semana serão realizadas palestras em todos os Centros de Referência e Assistência Social (Cras) e, também, nos Centros de Referência Especializada de Assistência Social (Creas) com temas diferenciados envolvendo usuários atendidos pelo programa, além de técnicos. O objetivo é capacitar os funcionários para melhor atender a pessoa com deficiência, promovendo qualificação sobre a diversidade e acolhimento às diferenças. Leia mais >

sábado, 22 de setembro de 2012

“Juntos Somos Fortes”: Prefeitura e Sebrae desenvolvem curso

Por Frânio Abreu
22 de setembro de 2012


“Juntos Somos Fortes”. Com este slogan, a consultora do Serviço de Apoio às Micro e Pequena Empresas (Sebrae), Conceição Macedo, realizou durante três dias, palestra para mulheres que participam dos cursos do Programa de Inclusão Produtiva, desenvolvido pela Secretaria Municipal da Família e Assistência Social. O curso trabalhou, especificamente, o empreendedorismo coletivo, com noções de solidariedade, confiança e cooperação.
Conceição Macedo explica que o ponto alvo foi mostrar as mulheres como trabalhar em conjunto. Acrescentou ainda que, quando um grupo amadurece, a partir daí parte-se para a tomada de decisão em termos de negócios, ou seja, se cria uma cooperativa, associação ou central de negócios.
Um vídeo foi apresentado no último dia de palestras, mostrando a diferença entre as três modalidades de negócios e, ainda, que nem sempre uma associação é ideal para o grupo. A cooperativa produz e trabalha a venda direta ao consumidor, podendo comprar de tudo e negociar, devendo ter um mínimo de 20 cooperados, todos de uma mesma área de produção. Já uma associação vende para as pessoas e não pode comprar e, ainda, não tem número fechado de participantes, em torno de pessoas físicas e jurídicas. E uma central de negócios é uma modalidade onde os produtores se reúnem para negociar em conjunto e todos têm voz e vez. Este também pode comprar e vender.
As três modalidades (cooperativa, associação e central de negócios) têm regimentos diferenciados e leis específicas. ‘Estamos aqui mostrando o princípio básico de um bom negócio em grupo, que é a solidariedade, confiança e cooperação. Está sendo muito proveitoso”, finaliza a consultora do Sebrae.
A secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire, explica que na assistência social, não se pode somente dar o peixe, como diz o provérbio popular, mas também ensinar a pessoa a pescar. “A gente dá o curso e mostra as pessoas quais os caminhos que elas podem seguir e, a partir daí, é opcional. Outros cursos desta natureza vão ser realizados ao longo do tempo”, finaliza a secretária.

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Creas realiza palestra sobre “O Direito e as Leis”

Foto: Rodolfo Lins
Por Elenice Costa

As advogadas Rosemary Gusmão e Celina Macabu, que ofertam atendimento jurídico no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) III, realizou nesta quinta-feira (20), palestra com o tema “O Direito e as Leis”, direcionada as usuárias atendidas pelo programa e que fazem parte do grupo Reflexões em seu Cotidiano. As reuniões acontecem duas vezes ao mês, onde são abordados diferentes temas relacionados à violação de direito da mulher decorrente de violência doméstica intrafamiliar e de gênero.

A violência doméstica é considerada um problema, que possui raízes profundas na organização social, nas estruturas econômicas e na sociedade. As políticas de proteção e segurança existem para mulheres vítimas de violência. Entretanto é preciso avançar, tanto na prevenção como na ampliação de políticas da reversão da dependência financeira, elevando a auto-estima, fortalecimento da capacidade da representação e participação na sociedade, tudo isso, para criar e condições favoráveis à auto-estima pessoal e coletiva.

De acordo com advogada Celina Macabu, as orientações para usuárias atendidas pelo órgão são de extrema importância para destacar as modificações da Lei Maria da Penha e, também, as questões de referência à Vara de Família, alimentos, divórcios e outros. “O nosso objetivo é reunir as usuárias atendidas para que todas elas possam tirar suas dúvidas com casos diversos”, concluiu a advogada.

Segundo a Diretora de Proteção Social Especial, Anne Caroline Cardoso, essas palestras oferecidas às usuárias que sofrem violência doméstica fazem parte da metodologia do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado à Família e Indivíduo, desenvolvidas em todos os Creas. “A expectativa da sociedade é que ampliem as políticas e qualifiquem as ações já existentes”, acrescenta.

De acordo com a coordenadora do Creas, Terezinha Vidal, cerca de 600 famílias está sendo acompanhadas durante todo o mês. De maio de 2011 a setembro deste ano, o Creas recebeu um aumento de 100% de novos casos de violência contra a mulher. “A partir da Lei Maria da Penha a mulher ganhou respaldo para fazer as denúncias contra as violações. O nosso objetivo e ofertar acolhida e escutar as usuárias em atendimento, fazendo com que elas possam refletir sobre o desenvolvimento do enfretamento da situação de violência”, completa.

Mais uma reunião do conselho

Foto: Rodolfo Lins
Por Elenice Costa

A presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Izaura Freire, junto aos diversos conselheiros que compõem o órgão, participou nesta sexta-feira (21), da Assembléia Geral Ordinária. A reunião aconteceu no auditório do Ministério Público Estadual, localizado a Rua Antonio Jorge Young, nº 40, no Parque Thomás Coelho, atrás do Fórum. Durante a reunião foi  realizada a leitura da ata da reunião anterior, parecer da Comissão de Fiscalização, Informes da Comissão de Política, Composição do CMAS e Comissões Temáticas e Assuntos Gerais.

Almoço e baile na reabertura das atividades da Colônia de Férias da 3ª Idade

Fotos: Rodolfo Lins
Por Elenice Costa

Qualidade de vida, bem estar e socialização na terceira idade. Estes são os maiores propósitos da Secretaria da Família e Assistência Social, que realizou nesta sexta-feira (21), a reabertura das atividades da Colônia de Férias da Terceira Idade, na Praia do Farol de São Thomé. A colônia é aberta a todos os grupos da Terceira Idade espalhados pelo município.

Cerca de 700 idosos participaram de um almoço e curtiram o show com Dom Américo e banda, na reabertura que animou a tarde com um som bem variado. O objetivo da Colônia é estimular os idosos a adotarem práticas saudáveis em todas as etapas de seu desenvolvimento para que envelheçam com qualidade de vida. E, ainda, promover o encontro dos grupos que participam de qualquer forma da comemoração do mês do Idoso.


Na Colônia de Férias na Praia do Farol de São Thomé, os idosos participam de segunda à sexta-feira, das 8 às 15h, de atividades físicas, hidroginástica, recreação e baile duas vezes no mês. O aposentado Ariso Barreto, de 60 anos, afirma que ele é um exemplo vivo para muitos idosos. Há sete anos sofreu um aneurisma cerebral e o médico, segundo ele, teria afirmado que não voltaria a falar e nem a andar. Ele acrescenta que, depois de várias seções de tratamento, retomou sua vida normal. “Hoje eu participo das atividades na Colônia e faço parte do grupo Dirceu Lisboa”, finalizou Ariso Barreto.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Concurso Garoto e Garota Peti reúne centenas de jovens

Por Elenice Costa / Foto: Rodolfo Lins
O IV Concurso Garoto e Garota Peti, organizado pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, órgão ligado à Secretaria da Família e Assistência Social, escolheu na tarde de quarta-feira (19), seu representantes. O primeiro lugar na categoria Kids ficou para Juliana Gomes da Silva, de 9 anos, do núcleo de Travessão e Matheus José Lourenço Dorilo, de 9 anos, do núcleo da Terra Prometida.

Na categoria Teen os vencedores foram Indianará do Santos Áreas, de 13 anos, do núcleo de Travessão, e Wanderson Pereira Mesquita, de 13 anos, do núcleo de Sapucaia. Todos os vencedores receberam como prêmio DVD e brindes.

O concurso aconteceu na sede do Clube de Regatas Rio Branco, localizado na avenida Senador José Carlos Pereira Pinto. Se fez presente toda equipe da secretaria da Família, além de alunos de vários núcleos e seus familiares. O evento contou com a animação da Banda Peti, que apresentou um repertório eclético e, também, houve apresentação de jazz com as alunas no núcleo da Terra Prometida.

O Peti é um programa de Erradiação do Trabalho Infantil e visa erradicar todas as formas de trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre e que possibilita o acesso permanente e o bom desempenho de crianças e adolescente de 6 a 15 anos aos diversos núcleos.

A secretária Izaura Freire disse que este evento é a coroação de um trabalho que é realziado permanentemente, de valorização da auto-estima das crianças e adolescentes, o que é proporcionado através dos diferentes projetos desenvolvidos dentro do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. “É bom ver no rosto de cada criança a felicidade de estar participando de um evento que, até então, não fazia parte do mundo deles e agora torna-se realidade. Parabéns a todos!”, finaliza a secretária.

De acordo com o chefe da Divisão do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Jeferson Paes, o programa vem incentivando as crianças e adolescentes na ampliação do universo de conhecimento, por meio de atividades culturais, esportiva, artística e de lazer, no período completar à escola.

Seminário discute Economia Popular e Solidária

Foto: Rodolfo Lins


Por Elenice Costa
 A Secretaria da Família e Assistência Social, através do Programa de Economia Popular e Solidária, promoveu nesta quarta-feira (19) seminário com o tema “Avaliação Teórica Metodológica para Agentes Públicos - Lei 8113/09”. O evento, que aconteceu no auditório da Faculdade de Direito de Campos (FDC), em parceria com o Centro Universitário Fluminense Campus I (Uniflu), foi direcionado aos gestores públicos municipais. De acordo com a Lei nº8113/09, fica instituído o Programa de Economia Popular e Solidária no município, integrando as estratégias gerais de desenvolvimento, articulado com as políticas sociais de Proteção Básica e Especial e, tendo ainda, a incumbência de implantar a política de fomento à economia solidária estabelecida pela lei.O objetivo do evento é fortalecer a articulação regional da Economia Solidária, através de reflexão e debates. O evento teve como intuito dar visibilidade e fortalecer as políticas públicas do programa, além de sensibilizar os gestores públicos para implantação de Políticas Públicas de Economia Solidária. A secretária Izaura Freire ressaltou que o seminário é importante para esclarecer e tirar dúvidas e, ainda, para que todos os participantes tenham uma melhor visão sobre o que é economia solidária. “O intuito é fazer com que estejam preparados para receber informações sobre o desenvolvimento econômico do município. É sempre um prazer estar discutindo assuntos relacionados à Economia Solidaria dentro da Política de Assistência Social”, afirmou a secretária.Participaram da mesa a secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire; a superintendente de Programas e Projetos da secretaria, Irecy Damasceno; o diretor de Direitos Humanos e Cidadania, Evanilson Fidélis; a representante da Uniflu e presidente da Fundação Cultural de Campos, Anelise Wilken; a reitora da Uniflu, Regina Sardinha; a vice reitora, Maria Beatriz Bogado; o coordenador e professor de pesquisa e extensão, Auner Pereira Carneiro.

Pronatec prorroga inscrição para vários cursos

Foto: Rodolfo Lins
Por Frânio AbreuA Secretaria Municipal da Família e Assistência Social, em parceria com Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), prorrogou até sexta-feira (21) a pré-inscrição para diferentes cursos profissionalizantes. Os cursos serão ministrados pelo Instituto Federal Fluminense (IFF) - Unidade de Guarus e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). Terão prioridade, os beneficiários dos programas sociais Bolsa Família e Cheque Cidadão.
Para se inscrever o interessado, que deve ter entre 16 e 59 anos, deverá se dirigir à Secretaria da Família e Assistência Social, localizada na Travessa Santo Elias, nº 46 – Jardim Carioca, das 9 às 16h. Os documentos originais e cópias exigidos são CPF, Identidade, comprovante de residência, comprovante de escolaridade, cartão do Bolsa Família ou Cheque Cidadão, se for beneficiário. Além disso, terá que ter renda familiar igual ou inferior a meio salário mínimo por pessoa (per capita) ou, então, renda familiar mensal de até três salários mínimos.
Curso oferecido pelo IFF - Guarus:
Cuidador de idoso

Cursos oferecidos pelo Senac:
Almoxarife
Auxiliar administrativo
Auxiliar de pessoal
Auxiliar de cozinha
Depilador
Manicure e pedicure
Vendedor
 

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Campos participa de Conferência Estadual de Desenvolvimento Regional

Foto: Divulgação
Por: Elenice Costa
18 de setembro de 2012

A Secretaria Municipal da Família e Assistência Social está representando o município de Campos nesta terça-feira (18), na I Conferência Estadual de Desenvolvimento Regional. O evento acontece no auditório do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), na Avenida Chile, nº 100, no Rio de Janeiro.

O objetivo é promover debate, em âmbito nacional, do qual resultem princípios e diretrizes para reformulação da Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR). Os principais eixos temáticos discutidos são “Governança”, “Participação Social”, “Diálogo Federativo”, “Financiamento do Desenvolvimento Regional”, “Desigualdades Regionais e Critérios de Elegibilidade” e “Vetores de Desenvolvimento Regional Sustentável”.

A Conferência consta de seminários e discussões com temas gerais ligados aos eixos temáticos. Essa atividade terá a presença de representantes da sociedade civil, pesquisadores, gestores públicos, estudantes e autoridades em geral, resultando em proposta de princípios e diretrizes para a etapa macrorregional e nacional, que avançar no processo de construção de uma nova Política Nacional de Desenvolvimento Regional.

Haverá um grupo de trabalho para discussão e priorização de propostas para as políticas nacional, macrorregional e estadual de desenvolvimento regional, a partir da leitura e dialógo com o texto-base. E, ainda, será realizada eleição de delegados do estado para as etapas macrorregional e nacional de conferência, que será realizada posteriormente.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Campos participa no Rio de apresentação de projeto piloto

Foto: Divulgação
Por Elenice Costa
18 de setembro de 2012 

A secretária  da Família e Assistência Social, Izaura Freire, junto com a diretora do Departamento de Proteção Social Básica, Cristiana Versiani, além do diretor do Departamento de Monitoramento, Avaliação e Gestão de Dados, Felipe Rocha, participou ontem, segunda-feira (17), da primeira reunião de apresentação do projeto piloto para acesso ao Portal de Informações Gerenciais do Rio Sem Miséria (RSM). O encontro, no Centro de Tecnologia de Informação e Comunicação do Estado do Rio (Proderj), no Rio de Janeiro, reuniu representantes de 11 municípios, entre eles, Campos, Cabo Frio, Belford Roxo, Itaguaí, Quissamã, entre outros.
 A proposta é estender a utilização do portal de informações para todos os 92 municípios do estado, após conclusão do projeto piloto. O novo portal apresenta layout totalmente remodelado (www.portal.intragov.rj.gov.br), dividido em blocos temáticos com os principais serviços, sendo de fácil navegação. A nova ferramenta vai trabalhar com a realidade a partir dos dados coletados, fortalecendo as políticas públicas, dando visibilidade aos trabalhos sociais.

Cada município enviará dois técnicos ao Rio, para participar de oficinas avaliativas. Através do portal, os profissionais indicados pelos municípios poderão ter acesso ao quantitativo dos relatórios dos usuários que são beneficiados pelos Programas Bolsa Família, Renda Melhor, além do Cadastro Único (Cad-Único).
 O novo elemento vai fortalecer as políticas públicas e será útil para os profissionais  receberem informações de vários territórios, uma espécie de espaço de troca, com a função de repassar e receber informações.

Segundo a subsecretária estadual de Integração de Programas Sociais, Lúcia Maria Modesto Pereira, hoje, os municípios repassam poucas informações de inclusão da gestão Bolsa Família, por exemplo. Segundo ela, o cadastro é uma ferramenta importantíssima para realizar, diagnosticar e formular políticas públicas. “O estado até hoje não tinha um sistema que pudesse revelar informações do Cad-Único, Bolsa Família e Renda Melhor. E o portal vem exatamente para disponibilizar vários relatórios e gráficos gerenciais, que vão  subsidiar os gestores municipais e estaduais para formulação e diagnóstico de políticas  públicas direcionadas às famílias em extrema pobreza”, acrescentou.
A  secretária  Izaura Freire fala sobre o convite feito a Campos para participar da apresentação do projeto piloto. “Participar desse piloto não só demonstra que o município de Campos está na vanguarda da política social, através de suas ações sócio-assistenciais, mas também coloca-se em um patamar importante no cenário estadual na perspectiva dos programas de transferência de renda, como por exemplo, o cheque cidadão e o renda mínima”, finaliza a secretária.

Campos com Unidade de Apoio de Distribuição de Alimentos

Foto: Divulgação
Por: Frânio Abreu
18 de setembro de 2012  


A Secretaria Municipal da Família e Assistência Social se fez presente em mesa técnica, no Ministério de Agricultura e Pesca, em Brasília (DF), em evento que teve como principal objetivo, discutir a Unidade de Apoio de Distribuição de Alimentos da Agricultura Familiar (UADAAF).
 A reunião, na semana passada, contou com a participação da Superintendente de Programas e Projetos da secretaria, Irecy Damasceno, e a assessora técnica e engenheira agrônoma, Natália Silva.Realizado em parceria com o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate a Fome, o evento discutiu a adequação do plano de trabalho e a elaboração de termo de referência para início de certame licitatório e posterior contratação de empresa especializada para elaborar o projeto executivo da UADAAF.
 As representantes da secretaria trouxeram novidades e uma delas é que a primeira unidade em Campos será implantada no espaço onde funcionava o antigo Ceasa, às margens da BR 101. Após implantação do equipamento no Ceasa, o programa de apoio aos pequenos agricultores será executado pela Secretaria Municipal da Família e Assistência Social, através da Coordenação de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), que trabalhará em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca.
 Além do apoio aos pequenos agricultores na armazenagem, beneficiamento e distribuição dos seus produtos, o equipamento contará com um pequeno caminhão para transportar a produção da lavoura dos agricultores cadastrados até à  unidade.   Além de Campos, somente 72 municípios da União conseguiram aprovar a proposta de implantação da UADAAF e se qualificar para receber o recurso com essa finalidade. O contrato com a Caixa Econômica Federal (CEF) será assinado pela Prefeitura de Campos ainda este ano e a primeira parcela do recurso será liberada pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), em dezembro de 2012.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Concurso Garoto e Garota Peti na quarta-feira

Por Frânio Abreu

O IV Concurso Garoto e Garota Peti, organizado pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, ligado à Secretaria da Família e Assistência Social, acontecerá nesta quarta-feira (19), a partir das 13h, na sede campestre do Clube de Regatas Rio Branco, na Avenida Senador José Carlos Pereira Pinto. Crianças e adolescentes de todos os núcleos estão convidados, além de familiares e amigos.
O concurso será dividido em dois grupos de faixas etárias: Kids para crianças de 6 a10 anos e Teen, para adolescentes de 11 a 15 anos, totalizando a participação de 60 alunos de diversos núcleos do município. Os três primeiros colocados nas duas modalidades receberão prêmios como bicicleta, DVD, além de brindes diversos.
Durante o evento haverá apresentação de diferentes números artísticos, incluindo a participação da banda Peti. A proposta do evento é promover o convívio entre crianças e adolescentes, fortalecendo os vínculos familiares e sociais. E, ainda, trabalhar o desenvolvimento da auto-estima, possibilitando o acesso a experiências e manifestações artísticas, culturais, esportiva e de lazer, com vista ao desenvolvimento de novas sociabilidades.
De acordo o chefe da divisão do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (Peti) Jerfson Paes, participar de diferentes atividades faz com que as crianças e adolescentes se tornem cada vez mais desinibidos, socializados e felizes. A comissão julgadora será formada por representantes de diferentes segmentos da comunidade.

Departamento criado como forma de agregar raças e povos

Foto: Rodolfo Lins
Por Frânio Abreu

Como objetivo de calcar o recém-criado Departamento de Igualdade Racial dentro da política pública de atendimento da assistência, a secretária municipal de Assistência Social, Izaura Freire, se reuniu mais uma vez com os integrantes do setor, reforçando a idéia de que todo o trabalho a ser desenvolvido terá como alvo o usuário. A secretária explica que igualdade racial não é só o negro e que este passa por outros recortes, levando-se em consideração que o Brasil reúne uma variedade de raças e povos.
- É preciso trabalhar essas raças, principalmente, no sentido de agregá-las à sociedade que se vive. Um departamento importante como esse não pode nunca se transformar em gueto, nem promover segregação. Pode e deve, sim, ser um espaço de congregação, heterogêneo, tudo isso tendo como viés a política da assistência – acrescentou a secretária.
Os integrantes do departamento apresentaram os projetos que serão desenvolvidos, entre eles, o “Departamento Itinerante”, que vai percorrer os Centros de Referência Especializado da Assistência Social (Creas), Centros de Referência e Assistência Social (Cras), além de departamentos diversos, entre outros. E, ainda, o “Disque Racismo”, com um telefone 0800 para melhor acesso da população, entre outros projetos.
A Lei nº 10.639, que trata da importância do ensino da história da África na educação básica, tornando obrigatório o ensino da história dos afro-brasileiros e africanos no ensino fundamental e médio, além da Lei nº 12.639, que trata da igualdade racial, serão amplamente divulgadas e debatidas pelo departamento, considerando que elas são relativamente novas e pouco conhecidas na sociedade.

domingo, 16 de setembro de 2012

Cabral dá bolo nos seus aliados de Campos pela terceira vez

Foto: internet
Do Blog do Garotinho
15 de setembro de 2012

Mais uma vez a campanha do candidato Makhoul (PT) anunciou que seu grande aliado Cabral estaria em Campos para um comício neste sábado. Nas ruas as pessoas já duvidavam, afinal Cabral já deu bolo duas vezes. Mas o pessoal de Makhoul garantia que desta vez era pra valer. Pois, ficaram esperando, esperando e Cabral desistiu de novo de vir a Campos. Vamos ver qual vai ser a nova desculpa da oposição. Mas o engraçado é que o povo de Campos está chamando Cabral de Tim Maia, afinal o cantor era mestre em não aparecer nos shows. Cabral é Tim Maia e a campanha da oposição em Campos, me apropriando de uma letra de uma famosa música do cantor "está sem farol, sem farol".
A vinda de Cabral a Campos já virou chacota.

Mas fica uma dúvida no ar: Cabral está com medo de vir a Campos e ser vaiado por toda a perseguição à cidade, pelo fato de ser administrada pela prefeita Rosinha Garotinho, ou diante do fiasco da campanha da oposição não quer se associar à derrota?

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Divulgando o Mês do Idoso

Foto: Rodolfo Lins
Sexta-feira, 14 de Setembro de 2012

Pausa na agenda para conceder entrevista para o quadro "Cuca Aberta" do programa " Passo-a-Passo", do colunista Ronaldo Vasconcelos. Em pauta, as comemorações pelo mês do idoso, que se estenderá até o dia 01 de agosto. Da programação, destacamos o Festival de Talentos da 3ª Idade, que emocionou a todos no Trianon, o trabalho desenvolvido pela Secretaria da Família e Assistência Social e como os idosos que ainda não fazem parte dos grupos assistidos pela secretaria, podem fazer para ter acesso à programação. 
A entrevista vai ao ar na próxima quarta-feira (19), às 22hs, pela Plena TV, com direito a reprise durante a semana em horários  diversos.
Vamos aguardar e conferir.

Realizada a I Capacitação dos Trabalhadores do SUAS

Foto: Rodolfo Lins
Por Elenice Costa
14 de setembro de 2012

Começou nesta sexta-feira (14), na Universidade Federal Fluminense (UFF), a primeira Capacitação dos Trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (Suas), da Secretaria da Família e Assistência Social. A iniciativa está vinculada à Política Nacional de Capacitação dos Trabalhadores do (Suas) e será na modalidade de atualização e nivelamento. A capacitação acontecerá  a cada 15 dias, voltada aos profissionais técnicos de níveis superior e médio.
Na cerimônia de boas vindas, a secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire, explicou que capacitar profissionais é fundamental dentro da política de assistência. “O Suas está em construção para a melhoria da política no município. Devemos cada vez mais unificar e colocar nossos serviços, nosso saber, dentro deste contexto. Todos participantes devem aproveitar essa capacitação para despertar, daqui para frente, um novo olhar neste processo de atualização e nivelamento. A Secretaria da Família e Assistência Social e a Universidade Federal Fluminense (UFF) estão juntas neste processo”, concluiu Izaura Freire.
De acordo com a superintendente de Gestão do Suas, na secretaria da Família e Assistência, Aline Giovannini, o processo de aprimoramento do sistema imprimiu mudanças de concepção da gestão, dos serviços e dos benefícios, alterando significativamente os processos de trabalho e exigindo especialização para responder as necessidades das famílias e indivíduos, de modo que a atuação dos trabalhadores se torne a principal tecnologia da política pública de assistência social.
A professora e coordenadora do Projeto de Capacitação dos Trabalhadores do Suas, na universidade, Érica Almeida, explicou que capacitar profissional é de vital importância para a política de assistência social, considerando que todos os trabalhadores têm que garantir os direitos socioassistenciais. E a UFF está feliz de poder participar desta grande iniciativa e contribuir com a reflexão sobre o desafio da assistência social no Brasil e no município de Campos.
Serão oito encontros, que acontecerão todas às sextas-feiras, contando com professores da Universidade Federal Fluminense (UFF) de Campos e Niterói, além de profissionais da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e convidados, dentro da política do Sistema Único de Assistência Social no município.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Servidores reunidos para melhor atendimento ao idoso

Foto: Rodolfo Lins
Quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Dentro da vasta programação para comemorar o Mês do Idoso, me reuní nesta quinta-feira (13), no auditório do Ministério Público Estadual, com diversos profissionais que atuam no trabalho com as pessoas da terceira idade, nos vários núcleos do município. O objetivo é ampliar as discussões no que se refere à proteção social ao idoso no âmbito da Política de Assistência Social.
É uma satisfação estar discutindo assuntos voltados à Política do Idoso e que esta é uma forma de repassar informações a respeito dela. “Deve-se discutir essa fase da vida, principalmente, quando ela vem atrelada à qualidade de vida e dentro das políticas públicas”.

O presidente do Conselho Municipal do Idoso, André Luiz Aragão, explica que todas as secretarias têm demonstrado interesse em seguir a política de atendimento ao idoso e, também, na preparação da programação e atividades que estão sendo desenvolvidas no Mês do Idoso. “Já existe uma sede na Rua José Alves de Azevedo, s/n - altos da Rodoviária Roberto Silveira, que atende aos anseios da terceira idade, de segunda à sexta-feira, das 8 às 17h. Assim, eles podem contar com atendimento jurídico, psicológico, além de secretária executiva e assistente administrativo”, concluiu André Luiz Aragão.
Segundo a Diretora do Departamento Social Especial, Anne Caroline Cardoso, os Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) acompanham cerca de 200 casos de violação dos direitos contra a pessoa idosa. “Nosso trabalho é desenvolver junto às famílias, estratégia para superar as violações aos direitos dos idosos”, finalizou Anne Caroline.

Campos participa de projeto piloto no Rio de Janeiro

Foto Rodolfo Lins
Quinta-Feira, 13 de setembro de 2012
Na próxima segunda-feira (17), estarei representando o município de Campos, como Secretária da Família e Assistência, na apresentação do projeto piloto para acesso ao Portal de Informações Gerenciais do Rio Sem Miséria (RSM). O evento acontece na próxima segunda-feira (17), às 14h, no Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro (Proderj),  no Rio. O evento contará com a participação dos municípios do estado que foram selecionados.
A proposta é estender a utilização do portal de informações para todos os 92 municípios, após conclusão do piloto. O objetivo deste é validar as informações dos Programas Renda Melhor, Renda Melhor Jovem, Bolsa Família, além do Cadastro Único (CAD Único), entre outros programas que integram o portal gerencial, tudo isso acompanhado de painéis, gráficos e relatórios.  E, ainda, receber contribuições dos municípios para o seu aprimoramento e evolução.
Para a consecução dos objetivos propostos, indiquei dois técnicos do município, com perfil de produção de análise de informações e atividades de coordenação do Cadastro Único, PBF.
É muito importante o desenvolvimento desse sistema, que vai proporcionar informações sobre às questões voltadas à vulnerabilidade social. “Essa troca de experiência vai compartilhar para somarmos ao processo de acompanhamento e monitoramento por parte da secretaria”.

Reunião para definir inauguração da pedra fundamental da Praça do PEC

Foto Rodolfo Lins
Por Elenice Costa
13 de setembro de 2012

A Secretária da Família e Assistência Social, Izaura Freire, junto com a coordenadora de Programas e Projetos, Irecy Damasceno, se reuniu nesta quinta-feira (13) para definir o lançamento da pedra fundamental da construção da Praça dos Esportes e da Cultura (PEC), no parque Eldorado. O evento acontecerá no próximo dia 29, à partir das 9h, com apresentações esportivas e culturais.  A Praça do PEC é um programa do governo federal, envolvendo os ministérios do Planejamento, Desenvolvimento Social, Trabalho e Emprego, Esporte e Cultura, em parceria com a prefeitura Municipal de Campos, através das secretarias da Família e Assistência, Cultura, Esportes, Obras e Urbanismo, Educação, Segurança e Ordem Pública, além do Centro de Informação e Dados de Campos (CIDAC).
O objetivo é implantar uma praça de esportes e cultura que atenda, além da comunidade do Parque Eldorado, as do Parque Santa Rosa, Codin, Aeroporto, São Silvestre, Bandeirantes, entre outros.

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Paes e Haddad: duas caras para enganar os cristãos

Foto: internet
Do Blog do Garotinho

Vale a pena lerem o artigo do colunista da Veja, Reinaldo Azevedo que se refere ao contexto eleitoral de São Paulo com Fernando Haddad (PT), mas se encaixa perfeitamente no que está acontecendo no Rio com Eduardo Paes (PMDB).

Haddad e Paes defendem o aborto, o casamento gay, no caso do Rio, o prefeito "cachorrinho de madame" ainda faz coro pela liberação das drogas, paradas gays, kits de apologia ao homossexualismo. Tudo o que católicos e evangélicos são contra.

Mas na maior desfaçatez de olho nos votos dos cristãos, mentem descaradamente, são lobos em pele de cordeiro que só querem enganar e depois vão dar as costas para católicos e evangélicos. Aliás, aqui no Rio, o senador Lindberg Farias (PT) de olho em 2014 já está fazendo a mesma coisa, enganando os evangélicos. Como diz Reinaldo Azevedo são trapaceiros, que contam com a blindagem da imprensa. Não se deixem enganar! Leia Mais >